Go to the content
or

Logo noosfero

Full screen
 RSS feed

Blog

April 15, 2011 0:00 , by Colivre.net - | No one following this article yet.

Servidores e convidados da SETRE/BA participam do Curso de Formação Cooperativista

August 31, 2017 16:51, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

foto-coletiva

Com o intuito de orientar os servidores e convidados da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte da Bahia (SETRE/BA) sobre o cooperativismo, seus princípios, valores e características da sociedade cooperativista, o Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Bahia – SESCOOP/BA, realizaram nos dias 28 e 29 de agosto, no auditório da secretaria estadual,  o curso básico de Formação Cooperativista. A iniciativa surgiu em atendimento à demanda da SETRE/BA, uma vez que a OCEB é membro do Conselho Estadual de Cooperativismo – CECOOP.

Durante os dois dias, a capacitação foi ministrada pela Gerente Geral e advogada da OCEB, Ially Carmo Gomes, pelo analista de Desenvolvimento e Monitoramento de Cooperativas do SESCOOP/BA, Valter Sampaio, e pela advogada e analista jurídica da OCEB, Monique Brito de Lima, para um grupo de 20 servidores públicos e convidados da Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas, que tiveram a oportunidade de compreender sobre o cooperativismo, sua fundamentação legal, seus ramos e a representação institucional do Sistema OCEB. “Os participantes do treinamento são responsáveis em instruir grupos de constituição de cooperativas, a fim de melhor assessorá-los sobre a legislação cooperativista, os atos constitutivos e os requisitos mínimos, característicos, deste tipo societário. Em face à aproximação com a OCEB e o SESCOOP/BA, via CECOOP, a demanda pôde ser atendida para consecução desses objetivos”, destacou a analista jurídica da OCEB, Monique Brito.

Para o técnico de Coordenação de Formação e Divulgação Associativa da SETRE/BA, Rafael Guimarães Farias, o curso foi de extrema importância para os presentes, pois possibilitou o acesso às informações sobre o cooperativismo: “Trabalhamos majoritariamente com grupos informais e associações e temos dado um salto de qualidade trabalhando com cooperativas. Esse curso vem munir, atualizar e dar maior segurança à linha de frente do nosso atendimento, para que possamos trabalhar como multiplicadores da formação de cooperativas no estado da Bahia”.

O instrutor e analista de Desenvolvimento e Monitoramento de Cooperativas do SESCOOP/BA, Valter Sampaio, disse que a iniciativa permitiu o alinhamento da difusão do cooperativismo baiano, proporcionando aos participantes informações relevantes para manutenção de uma sociedade cooperativa, com base legal e gestão participativa. 

A diretora da Divisão da Associação e Cooperativa da Secretaria Municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Setrel) de Lauro de Freitas, Daniela Santos Menezes, afirmou que a capacitação foi muito oportuna, porque viabilizou o entendimento sobre cooperativismo e a abertura de novas oportunidades para o desenvolvimento de pessoas e grupos que buscam pelo movimento.

A capacitação é fruto de uma ação continuada do Sistema OCEB, que avança com a disseminação do cooperativismo, objetivando o seu fortalecimento no estado da Bahia, a fim de alcançar a missão de representar, defender e desenvolver o cooperativismo baiano e torná-lo mais competitivo, respeitado e admirado pelo papel que desempenha na sociedade.

Por Ascom OCEB.



Direcoop reuniu lideranças cooperativistas para debater gestão e governança

August 30, 2017 17:02, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

logo-direcoop-materia

Profissionalizar a gestão para tornar o cooperativismo baiano cada vez mais forte é um dos objetivos do Sistema OCEB, que tem desenvolvido ações com foco no aprimoramento da gestão e governança das cooperativas do estado. E a gestão foi o tema central da quinta edição do Encontro de Presidentes, Dirigentes e Gestores do Cooperativismo Baiano, que esse ano passou a se chamar Direcoop.

Promovido pelo Sindicato e Organização de Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Bahia - Sescoop/BA, organizações que integram o Sistema OCEB, o Direcoop foi realizado na capital do estado, Salvador (21/08), e em mais cinco cidades baianas: Luís Eduardo Magalhães (15/7), Irecê (29/7), Vitória da Conquista (5/8), Itabuna (12/8) e Feira de Santana (19/8). Foram mais de 260 participantes, dentre presidentes, dirigentes, gestores, conselheiros e assessores, que representaram 85 cooperativas.

Programação

O evento debateu sobre a temática “cenários e perspectivas da gestão”, que foi abordada na palestra “Gestão para a Excelência: agenda em cenários de mudanças exponenciais” ministrada por Jairo Martins, presidente da Fundação Nacional da Qualidade – FNQ, nas cinco primeiras cidades, e por Marcos Bardagi, Gerente de Portfólio, Operações e Conhecimento da FNQ, no último município do ciclo. Eles apresentaram informações importantes sobre os cenários político, econômico e social, tanto no âmbito nacional quanto mundial, e o impacto dessas diferentes realidades na dinâmica das organizações, destacando a necessidade das cooperativas realizarem seus planejamentos estratégicos e investirem em mudanças para acompanhar as tendências do mercado. “Dedicar um dia para discutir gestão é muito importante principalmente pelo papel que as cooperativas já desempenham no setor econômico. Foi uma experiência muito gratificante participar desse ciclo de palestras, destacou Jairo.

Além da palestra, foi realizada uma apresentação das ações que o Sistema OCEB tem realizado para responder às demandas apontadas na pesquisa de opinião aplicada em 2016 com as cooperativas baianas e os resultados já alcançados. Esta pesquisa tem direcionado os projetos desenvolvido pelo Sistema OCEB para apoiar o desenvolvimento das cooperativas.

Resultados

A intercooperação e a troca de experiências entre líderes de cooperativas de diversos ramos, a proposição de melhorias para o cooperativismo nas regiões e no Estado, bem como o levantamento de demandas das cooperativas para a elaboração do Plano Anual de Trabalho da OCEB e do SESCOOP/BA – 2018 foram resultados alcançados mais um ano com a promoção do ciclo de encontros.

A regionalização do Direcoop foi um dos pontos positivos apontados pelos participantes, e um deles foi o sr. Jaidy Pereira, diretor administrativo da Cooperativa Agropecuária dos Produtores do Território da Chapada Diamantina – Cooperbonito que esteve em Irecê. “Eu agradeço por descentralizar esse trabalho, sair da capital e vim para o interior, pois é mais fácil para nós e temos uma aproximação maior com vocês e vocês com a gente”, disse. Se aproximar das cooperativas para contribuir com o desenvolvimento participativo do cooperativismo baiano é um dos objetivos do Sistema OCEB ao realizar o Direcoop.

A realização desses encontros foi muito relevante para refletir sobre o sistema cooperativista baiano e estimular as cooperativas a melhorarem sua gestão e ampliarem seu acesso ao mercado”, afirmou Cergio Tecchio, presidente do Sistema OCEB.

Acesse todos os conteúdos (notícias, fotos e vídeos) da rodada de eventos do Direcoop pelo seguinte canal: http://ola.coop.br/direcoop

 

Por ASCOM SISTEMA OCEB



Direcoop reúne lideranças cooperativistas para debater gestão e governança

August 30, 2017 17:02, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

logo-direcoop-materia

Profissionalizar a gestão para tornar o cooperativismo baiano cada vez mais forte é um dos objetivos do Sistema OCEB, que tem desenvolvido ações com foco no aprimoramento da gestão e governança das cooperativas do estado. E a gestão foi o tema central da quinta edição do Encontro de Presidentes, Dirigentes e Gestores do Cooperativismo Baiano, que esse ano passou a se chamar Direcoop.

Promovido pelo Sindicato e Organização de Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Bahia - Sescoop/BA, organizações que integram o Sistema OCEB, o Direcoop foi realizado na capital do estado, Salvador (21/08), e em mais cinco cidades baianas: Luís Eduardo Magalhães (15/7), Irecê (29/7), Vitória da Conquista (5/8), Itabuna (12/8) e Feira de Santana (19/8). Foram mais de 260 participantes, dentre presidentes, dirigentes, gestores, conselheiros e assessores, que representaram 85 cooperativas.

Programação

O evento debateu sobre a temática “cenários e perspectivas da gestão”, que foi abordada na palestra “Gestão para a Excelência: agenda em cenários de mudanças exponenciais” ministrada por Jairo Martins, presidente da Fundação Nacional da Qualidade – FNQ, nas cinco primeiras cidades, e por Marcos Bardagi, Gerente de Portfólio, Operações e Conhecimento da FNQ, no último município do ciclo. Eles apresentaram informações importantes sobre os cenários político, econômico e social, tanto no âmbito nacional quanto mundial, e o impacto dessas diferentes realidades na dinâmica das organizações, destacando a necessidade das cooperativas realizarem seus planejamentos estratégicos e investirem em mudanças para acompanhar as tendências do mercado. “Dedicar um dia para discutir gestão é muito importante principalmente pelo papel que as cooperativas já desempenham no setor econômico. Foi uma experiência muito gratificante participar desse ciclo de palestras, destacou Jairo.

Além da palestra, foi realizada uma apresentação das ações que o Sistema OCEB tem realizado para responder às demandas apontadas na pesquisa de opinião aplicada em 2016 com as cooperativas baianas e os resultados já alcançados. Esta pesquisa tem direcionado os projetos desenvolvido pelo Sistema OCEB para apoiar o desenvolvimento das cooperativas.

Resultados

A intercooperação e a troca de experiências entre líderes de cooperativas de diversos ramos, a proposição de melhorias para o cooperativismo nas regiões e no Estado, bem como o levantamento de demandas das cooperativas para a elaboração do Plano Anual de Trabalho da OCEB e do SESCOOP/BA – 2018 foram resultados alcançados mais um ano com a promoção do ciclo de encontros.

A regionalização do Direcoop foi um dos pontos positivos apontados pelos participantes, e um deles foi o sr. Jaidy Pereira, diretor administrativo da Cooperativa Agropecuária dos Produtores do Território da Chapada Diamantina – Cooperbonito que esteve em Irecê. “Eu agradeço por descentralizar esse trabalho, sair da capital e vim para o interior, pois é mais fácil para nós e temos uma aproximação maior com vocês e vocês com a gente”, disse. Se aproximar das cooperativas para contribuir com o desenvolvimento participativo do cooperativismo baiano é um dos objetivos do Sistema OCEB ao realizar o Direcoop.

A realização desses encontros foi muito relevante para refletir sobre o sistema cooperativista baiano e estimular as cooperativas a melhorarem sua gestão e ampliarem seu acesso ao mercado”, afirmou Cergio Tecchio, presidente do Sistema OCEB.

Acesse todos os conteúdos (notícias, fotos e vídeos) da rodada de eventos do Direcoop pelo seguinte canal: http://ola.coop.br/direcoop

 

Por ASCOM SISTEMA OCEB



II Simpósio de Saúde Suplementar das Federações das Unimeds é sediado em Salvador

August 30, 2017 11:56, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

simposio-saude-suplementar-7

Nos dias 24 e 25 de agosto a capital baiana sediou o II Simpósio de Saúde Suplementar das Federações das Unimeds da Bahia e Pernambuco. O evento oportunizou a abordagem e debate de assuntos importantes do cotidiano das cooperativas Unimed, além da troca de experiências, e uma maior integração entre o público participante, formado por Dirigentes, Gestores, Cooperados e Colaboradores das Unimed dos Estados da Bahia e Pernambuco, representantes de empresas parceiras e integrantes do Sistema Unimed. 

Esse simpósio acontece após o que foi realizado em Recife, no ano passado, e reflete o momento de transformação que passa o Sistema Unimed no Estado da Bahia com avanços nas suas relações com o Sistema Nacional Unimed, presente, atualmente, em 84% do território nacional, formado por cerca de 348 cooperativas médicas e mais de 114 mil médicos cooperados.

A mesa da conferência de abertura contou com a participação do presidente do Sistema OCEB, Cergio Tecchio, que ressaltou o trabalho que a OCEB e o SESCOOP/BA, vêm desenvolvendo para que o cooperativismo ocupe o espaço que merece na Bahia, e o quanto é fundamental a união das cooperativas do ramo saúde para a expansão do mercado e o atendimento à comunidade com excelência.

O simpósio teve uma programação diversificada com a apresentação de assuntos de grande relevância para a saúde suplementar brasileira, que vem a beneficiar não só os médicos cooperados, que atuam nas cooperativas Unimed, como também, trazer benefícios aos clientes e beneficiários, como qualidade no atendimento. Um dos participantes do evento, Carlos Tadeu, Diretor Financeiro da Unimed Vale do São Francisco – Juazeiro e Petrolina, explicou a importância de integrar as federações da Unimed, Bahia e Pernambuco, nesse evento: “São estados vizinhos e têm basicamente os mesmos desafios e oportunidades de mercado. Esse evento é dirigido para os nossos colaboradores que estão no dia-dia, executando tarefas das operadoras dos planos de saúde, das Unimeds, e também para os dirigentes que são os gestores dessas cooperativas da Bahia e Pernambuco. Ele também ressaltou a necessidade de trabalhar na unicidade de ações, considerando a dimensão do Sistema. “São temas que fazem parte da interrelação do sistema, que chamamos de Intercâmbio, porque a Unimed tem hoje 18 milhões de usuários nos seus planos de saúde, sendo 348 cooperativas Unimed, então tem que haver uma integração desse sistema”.

Durante o seminário, foi divulgada a “Campanha Coopere com a Vida”, nova bandeira que o Sistema OCEB está abraçando, e teve boa receptividade do público. O Presidente da Unimed Itabuna e Conselheiro Diretor representante do ramo saúde na OCEB, Dr. Silvio Porto de Oliveira, agradeceu o apoio do SESCOOP/BA no evento e parabenizou o Sistema OCEB pela iniciativa de conscientizar as famílias baianas sobre a doação de órgãos. “Fazer cooperativismo é o dia-dia, a gente tem que trabalhar para conscientizar a população. O ramo saúde na Bahia está se movimentando para ser um ramo pujante e honrar as tradições da Bahia no cooperativismo. O cooperativismo baiano está pulsando, está vivo com o trabalho que tem sido feito pelo Sistema OCEB. E conclui: “O cooperativismo tem que ser um organismo vivo, que as pessoas sintam e abracem o cooperativismo como uma bandeira social econômica importante para o desenvolvimento do nosso país”.

O terceiro Simpósio já está programado para acontecer, em 2018, na cidade de Petrolina, em Pernambuco.

 

Por Ascom SESCOOP/BA

Fotos: Paulo Azevedo (Agência Olho de Peixe) e Sistema OCEB



Turmas do GESCOOP 2017 dão início em Salvador e Ilhéus

August 28, 2017 16:35, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

gescoop-ssa-3

O Programa de Formação de Dirigentes e Gerentes de Cooperativas – GESCOOP iniciou a edição 2017 com a realização do primeiro módulo para as duas turmas desse ciclo, nos dias 21 e 22 de agosto, em Salvador, e 24 e 25 de agosto, em Ilhéus.

O GESCOOP é uma realização do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Bahia – SESCOOP/BA, em parceria com o Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB, e foi desenvolvido para capacitar dirigentes, gerentes, conselheiros, técnicos e encarregados de cooperativas baianas dos diversos ramos do cooperativismo.

Os participantes ampliarão seus conhecimentos nas áreas de recursos humanos, gestão, finanças, negócios, planejamento, governança e educação cooperativista, além de trocarem experiências durante a realização dos 10 módulos que compõem esse curso. Essa nova versão do GESCOOP traz como diferencial a vinculação das disciplinas ao Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas – PDGC. O primeiro módulo foi sobre Cooperativismo Contemporâneo e contou com a instrutoria de José da Paz Cury, grande conhecedor do cooperativismo e muito bem avaliado pelas turmas.

Para Adriano Oliveira, advogado da Cooperativa Central de Crédito da Bahia - Sicoob Central BA, a abertura do programa foi muito satisfatória e a oportunidade que a capacitação vai proporcionar de ter mais contato com os conteúdos do PDGC vai ampliar o conhecimento sobre o programa, que é voltado ao desenvolvimento da autogestão das cooperativas.

Essa é mais uma capacitação que tem como objetivo promover a profissionalização da gestão cooperativista e será realizada no período de agosto de 2017 a fevereiro de 2018. As disciplinas serão ministradas uma vez ao mês, em dois dias corridos, das 8h às 18h, sendo 16 horas por encontro e uma carga horária total de 160 horas.

Por Ascom SESCOOP/BA