Go to the content
or

Logo noosfero

Full screen
 RSS feed

Blog

April 15, 2011 0:00 , by Colivre.net - | No one following this article yet.

JLC forma última turma na Bahia

December 21, 2012 3:00, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

A última turma do Programa Jovens Lideranças Cooperativistas - JLC na Bahia encerrou com sucesso suas atividades durante a solenidade de formatura realizada em Inhambupe/BA, no dia 16 de dezembro de 2012, quando 25 alunos receberam seus certificados de conclusão de curso das mãos do presidente da OCEB-SESCOOP/BA, Cergio Tecchio. Estiveram presentes no evento 205 pessoas.

O Programa JLC compreende a capacitação profissional em gestão cooperativista e empreendedorismo voltado para jovens de 16 a 30 anos, que possuem ligação com alguma cooperativa baiana. Desde 2008, o curso vem sendo realizado com muito sucesso, capacitando 240 jovens. A partir de 2013, o Programa ganhará nova roupagem passando a se chamar Programa Juventude Cooperativista - Jovem Coop. De acordo com Tiago Freitas, Analista da Gerência de Formação do Sescoop Nacional, a construção do novo programa se deu a partir da necessidade de ampliar o foco de atuação do JLC, repensando os beneficiários, numa nova modelagem metodológica e gerencial, além da necessidade de clareza nos objetivos e resultados do Programa.

De acordo com o coordenador do JLC em Inhambupe, Antônio Laércio da Silva, apesar das dificuldades encontradas durante a realização do programa, como falta de transporte por exemplo, os alunos não desistiram, transformando as barreiras em uma grande motivação para seguir em frente. “Tínhamos uma equipe de 25 pessoas, todos unidos. Foi uma experiência muito proveitosa para mim, pois conseguir manter os alunos juntos e motivados é desafiador! Criamos um vínculo familiar”, declarou Silva, que além de ser gerente Administrativo e Financeiro do Sicoob Credite, é educador.

Os frutos do JLC já começam a florescer na vida dos alunos. É o caso, por exemplo, de Fleisiene Alves, que passou por um processo seletivo com êxito para trabalhar como Agente de Microcrédito no Sicoob Credite. "Eu fiquei muito feliz em participar do curso. Eu tinha concluído o ensino médio e buscava um curso que agregasse valor ao meu currículo, quando fui apresentada ao JLC", declara.

Em seu novo emprego, a jovem ficará em contato direto com os associados e potenciais associados da cooperativa, através do programa de microcrédito Sicoob Solidário, onde terá a oportunidade de disseminar os princípios e valores cooperativistas. "Os conhecimentos sobre o cooperativismo precisam ser adotados no nosso dia-a-dia, disseminados em todos os lugares onde formos, e demonstrados através das nossas atitudes", ressalta Alves.

Além de preparar os jovens para a atuação profissional cooperativista, o curso ajuda a formatar o perfil dos alunos, tendo como base os valores do cooperativismo. "Penso em fazer faculdade de Administração com foco em cooperativismo. Eu quero colaborar para com o crescimento da cooperativa e acompanhá-la também", conclui Alves.




JLC forma última turma na Bahia

December 21, 2012 0:00, by Colivre.net - 0no comments yet

A última turma do Programa Jovens Lideranças Cooperativistas - JLC na Bahia encerrou com sucesso suas atividades durante a solenidade de formatura realizada em Inhambupe/BA, no dia 16 de dezembro de 2012, quando 25 alunos receberam seus certificados de conclusão de curso das mãos do presidente da OCEB-SESCOOP/BA, Cergio Tecchio. Estiveram presentes no evento 205 pessoas.

O Programa JLC compreende a capacitação profissional em gestão cooperativista e empreendedorismo voltado para jovens de 16 a 30 anos, que possuem ligação com alguma cooperativa baiana. Desde 2008, o curso vem sendo realizado com muito sucesso, capacitando 240 jovens. A partir de 2013, o Programa ganhará nova roupagem passando a se chamar Programa Juventude Cooperativista - Jovem Coop. De acordo com Tiago Freitas, Analista da Gerência de Formação do Sescoop Nacional, a construção do novo programa se deu a partir da necessidade de ampliar o foco de atuação do JLC, repensando os beneficiários, numa nova modelagem metodológica e gerencial, além da necessidade de clareza nos objetivos e resultados do Programa.

De acordo com o coordenador do JLC em Inhambupe, Antônio Laércio da Silva, apesar das dificuldades encontradas durante a realização do programa, como falta de transporte por exemplo, os alunos não desistiram, transformando as barreiras em uma grande motivação para seguir em frente. “Tínhamos uma equipe de 25 pessoas, todos unidos. Foi uma experiência muito proveitosa para mim, pois conseguir manter os alunos juntos e motivados é desafiador! Criamos um vínculo familiar”, declarou Silva, que além de ser gerente Administrativo e Financeiro do Sicoob Credite, é educador.

Os frutos do JLC já começam a florescer na vida dos alunos. É o caso, por exemplo, de Fleisiene Alves, que passou por um processo seletivo com êxito para trabalhar como Agente de Microcrédito no Sicoob Credite. "Eu fiquei muito feliz em participar do curso. Eu tinha concluído o ensino médio e buscava um curso que agregasse valor ao meu currículo, quando fui apresentada ao JLC", declara.

Em seu novo emprego, a jovem ficará em contato direto com os associados e potenciais associados da cooperativa, através do programa de microcrédito Sicoob Solidário, onde terá a oportunidade de disseminar os princípios e valores cooperativistas. "Os conhecimentos sobre o cooperativismo precisam ser adotados no nosso dia-a-dia, disseminados em todos os lugares onde formos, e demonstrados através das nossas atitudes", ressalta Alves.

Além de preparar os jovens para a atuação profissional cooperativista, o curso ajuda a formatar o perfil dos alunos, tendo como base os valores do cooperativismo. "Penso em fazer faculdade de Administração com foco em cooperativismo. Eu quero colaborar para com o crescimento da cooperativa e acompanhá-la também", conclui Alves.




Palestra de atendimento ao cliente divulga o cooperativismo no interior baiano

December 18, 2012 0:00, by Colivre.net - 0no comments yet

Cerca de 3 mil pessoas foram beneficiadas com a "Palestra de Atendimento ao Cliente" promovida pelo Sescoop Bahia, em parceria com diversas cooperativas do Sicoob Sistema BA, atingindo 37 municípios, totalizando 38 palestras. Por meio de uma abordagem dinâmica e interativa, o conteúdo foi transmitido aos participantes no intuito de despertar o potencial de desenvolvimento pessoal e profissional inerente a cada ser humano.

Além dos dirigentes, funcionários e associados das cooperativas, as palestras foram abertas à comunidade local. "Nós fizemos questão de convidar, também, pessoas que não fazem parte da cooperativa com o objetivo de divulgar o cooperativismo e seus benefícios para elas, a fim de que se tornem novos associados", ressalta o presidente do Sicoob Costa do Descobrimento, Antônio Moraes.

De acordo com a gerente de Desenvolvimento Humano do Sescoop/BA, Jussiara Lessa "a ação busca despertar no ser humano o potencial para realizações pessoais e profissionais, canalizando sua energia para novas conquistas e melhorias, para que se tornem mais assertivos, competitivos e produtivos."

A ação tem movimentado as cidades por onde passa. Além da palestra de atendimento ao cliente, os participantes assistem a uma apresentação sobre o Sistema Sicoob e Sescoop Bahia. "As palestras são oportunidades de divulgar para os não associados o cooperativismo, seu papel social e benefícios, a diferença entre as cooperativas de crédito e outras instituições financeiras. Além disso, esse tipo de atividade ajuda a fidelizar os associados", ressalta o Gerente de Negócios e Marketing do Sicoob Central BA, Renato Altino Paiva Neto.

De acordo com o presidente do Sicoob Crediconquista, Valeriano Severino, é fundamental envolver a comunidade nessas atividades porque ajuda a criar laços. "A palestra, aqui em Vitória da Conquista, propiciou um momento de atualização profissional frente às novas exigências do mercado", conclui.

As Palestras de Atendimento ao Cliente foram realizadas nas seguintes cidades: Ponto Novo, Senhor do Bonfim, São José do Jacuípe, Serrolândia, Várzea do Poço, Miguel Calmon, Mairí, Valente, Capim Grosso, Quixabeira, Gavião, Vitória da Conquista (2 vezes), Poções, Brumado, Prado, Alcobaça, Itabela, Itamaraju, Jaguaquara, Jequié, Juazeiro, Baixa Grande, Ruy Barbosa, São Domingos, Retirolândia, Alagoinhas, Tucano, Irará, Euclides da Cunha, Maragogipe, Nazaré, Inhambupe, Rio Real, Gandu, Conceição do Coité e Nova Fátima.



OCEB assume cadeira no Conselho da JUCEB

December 17, 2012 0:00, by Colivre.net - 0no comments yet

Por decreto do Governador do Estado da Bahia publicado no Diário Oficial de 11 de dezembro, a OCEB passa a ter um representante titular e um suplente na Turma de Vogais da Junta Comercial do Estado da Bahia - JUCEB. Petrônio Alberto da Fonseca (Titular) e Ângela Colavolpe Britto Gédéon (Suplente) passam a integrar o plenário superior da autarquia, fórum que tem funções consultivas e deliberativas.

De acordo com Cergio Tecchio, presidente da OCEB, o assento na JUCEB é uma importante conquista do cooperativismo baiano, que amplia a colaboração que já existe entre OCEB e a Junta Comercial para a simplificação dos procedimentos de formalização de cooperativas.



Curso de educação cooperativista forma novos alunos

December 14, 2012 3:00, by Portal Bahia Cooperativo - 0no comments yet

A disseminação do cooperativismo na Bahia passa por um importante momento de crescimento, e o Educoop - Curso de Formação de Professores em Educação Cooperativista tem contribuído de forma significativa para este avanço. Como prova disso, no último sábado (08), o curso formou mais 130 alunos em Teixeira de Freitas/BA.

O Educoop foi criado em 2006, na cidade de Teixeira de Freitas, com o objetivo de capacitar professores para a disseminação dos valores e princípios cooperativistas. Hoje, com cerca de 1000 alunos formados, o projeto está sendo divulgado no Sistema Cooperativista Nacional.

"Todo desenvolvimento precisa de educação e maturidade. Com a filosofia cooperativista não seria diferente. O Sescoop Bahia, em parceria com IFA Técnico e o Sicoob Extremo Sul está plantando sementes que o apoiarão na disseminação da cultura da cooperação, e consequentemente, na celeridade do desenvolvimento do cooperativismo baiano", declara a gerente de Planejamento e Controle do Sescoop Bahia, Lívia Conceição, que representou o Sescoop Bahia no evento.

Os formandos foram prestigiados pelos presidentes do Sicoob Confederação - José Salvino de Menezes, do Sicoob Central BA - Ivo Azevedo de Brito, do Sicoob Extremo Sul - José Dias, e do Sicoob Costa do Descobrimento - Antônio Moraes. Além disso, a diretora do IFA Técnico - Maria Andréia Dutra e o coordenador do Educoop - Flávio Barbosa foram conferir de perto a emoção de formar novos multiplicadores do cooperativismo.

De acordo com o presidente do Sicoob Extremo Sul - José Dias, uma característica marcante do evento foi o entusiasmo de todos os formandos. "Precisamos de pessoas com essa característica para multiplicar o cooperativismo. Queremos agora ampliar o alcance do Educoop e vamos trabalhar neste sentido", ressaltou.

Para o coordenador do Educoop, Flávio Barbosa, o curso já apresenta resultados promissores. "Em Itamaraju, as escolas da zona rural passaram a contar, em 2012, com a disciplina do cooperativismo em sua grade curricular. A professora da disciplina foi capacitada através do Educoop", revelou com entusiasmo.

A gerente do Sescoop Bahia, Lívia Conceição, ressalta os resultados gerados pelo Educoop na vida dos alunos e da comunidade onde eles estão inseridos. "O projeto que apoiamos resulta não apenas em números, mas influencia na vida de cada uma dessas pessoas seja em casa, em seu ambiente de trabalho, na escola, na comunidade. O Sescoop gera oportunidades de melhoria na qualidade de vida, no contexto socioeconômico dos envolvidos", conclui.

Sobre o Educoop

Com carga horária de 200h, o curso surgiu da necessidade de divulgar amplamente a doutrina cooperativista através da capacitação de educadores.

O Educoop é formado por 9 módulos, que são ministrados tendo como base a filosofia, os princípios e os valores cooperativistas. As aulas são organizadas em forma de seminários, estudos individuais, aulas expositivas, encontros presenciais e oficinas práticas resultantes dos projetos elaborados em sala.

De acordo com Dutra, a metodologia do curso "vislumbra contribuir para a construção de uma a sociedade que possa ser formada por cidadãos mais conscientes do seu papel na sociedade, autônomos e responsáveis, aptos para o exercício da cidadania".