Go to the content
or

Logo noosfero

Full screen
 RSS feed

Blog

April 15, 2011 0:00 , by Colivre.net - | No one following this article yet.

Ciclo 2017 do GESCOOP encerra com balanço positivo

March 2, 2018 13:35, by Portal Bahia Cooperativo - 33 comments

gescoop-salvador-3

2 turmas. 60 participantes. 10 módulos. 160 horas de carga horária. Esses números são significativos para o cooperativismo baiano, pois representam que novos dirigentes, gestores e lideranças cooperativistas estão capacitados para contribuir com o desenvolvimento da gestão das cooperativas baianas. E isso foi possível porque eles participaram do Ciclo 2017 do Programa de Formação de Dirigentes e Gerentes de Cooperativas – GESCOOP.

Esta edição do GESCOOP foi encerrada na semana passada, em Salvador e Ilhéus, e contou com a participação da diretoria do Sistema OCEB para certificar os participantes que, durante a realização dos módulos que compõem o curso, ampliaram seus conhecimentos nas áreas de gestão cooperativa, recursos humanos, finanças, negócios, planejamento, governança e educação cooperativista, além de fortalecerem as suas redes de contatos e trocarem experiências.

Essa troca foi possível, segundo Tassiane Cardoso, funcionária da Área de Qualidade da Uniodonto Ilhéus e aluna da turma de Ilhéus, porque a capacitação promoveu atividades e dinâmicas que favoreceram a intercooperação e o diálogo. “Um aprendia com o outro ao relatar ações que deram certo nas suas cooperativas”.

Um diferencial dessa nova versão do GESCOOP foi a vinculação das disciplinas do curso ao Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas – PDGC. Essa decisão reflete o trabalho contínuo do Sescoop/BA e da OCEB de incentivar e preparar as cooperativas baianas para a participação no PDGC. Alberlan Almeida, vice-diretor da Coperil e participante da turma de Salvador, concordou que esse foi um diferencial e reforçou: “o nosso grande desafio a partir de agora é disseminar e socializar os conhecimentos adquiridos durante o Gescoop com foco no PDGC nas nossas Cooperativas”. Ele também resumiu o potencial do curso como capaz de “transformar as nossas ações e a nossa visão enquanto cooperados”.

Formar e capacitar quadros gerenciais e lideranças das cooperativas baianas para que tenham uma visão holística, criativa e possam gerir de forma competente as cooperativas em que estão inseridos são os resultados que extrapolam os números e contribuem para o cooperativismo ser mais competitivo e capaz de promover a felicidade dos cooperados, além de atender ao objetivo estratégico de promover a profissionalização da gestão cooperativista.

Por ASCOM Sescoop/BA



Sicoob BA alcança marca de R$ 1 bilhão de ativos

February 27, 2018 17:23, by Portal Bahia Cooperativo - 1One comment

logo-sicoob-posicionamento-ap02-cmyk-pos2

Apesar de 2017 ter sido um ano turbulento para a economia nacional, as Cooperativas de Crédito da Bahia, vinculadas à Central Sicoob BA, tem motivos de sobra para comemorar. O Sicoob Central BA é constituído por 14 cooperativas de crédito da Bahia, possuem mais de 139 mil cooperados e 79 pontos de atendimento, distribuídos em 65 municípios da Bahia, além dos outros estados, e encerrou o ano passado com a marca inédita de R$ 1 bilhão de ativos.

"Os nossos serviços vêm crescendo cerca de 30% ao ano. Isso vem fazendo com que possamos aumentar o volume de negócios nas cooperativas e repercutindo esse marco tão expressivo no cooperativismo", comenta o Diretor Administrativo do Sicoob Central BA, Alexsandro do Carmo Silva. Os ativos são os bens e direitos com valor comercial da cooperativa, como os empréstimos, imóveis e investimentos.

Para Josemir Soares, Diretor Operacional do Sicoob Central BA, “o alcance de 1 bilhão de ativos é um marco para o cooperativismo na Bahia, principalmente para os 65 municípios onde o Sicoob está inserido. Este resultado, contribui, de forma significativa, para o desenvolvimento das comunidades, em função do efeito multiplicador proporcionado pelas sobras às economias locais, à medida que são distribuídas aos seus associados”.  

A meta, que foi alcançada no mês de dezembro, é fruto do planejamento estratégico desenvolvido pela cooperativa há mais de sete anos, e que objetiva a ampliação da área comercial e a contínua capacitação dos seus colaboradores para oferecer produtos e serviços cada vez mais competitivos aos seus associados. O presidente do Conselho de Administração do Sicoob Central Bahia, Ivo Azevedo de Brito, acredita que o aumento expressivo de ativos se deve ao fato do reconhecimento da força do cooperativismo pela sociedade. “Esse marco representa uma posição de extrema importância para o cooperativismo baiano, pois nos possibilita uma condição maior de acesso ao mercado”, comenta Brito.
 
Sobre planos futuros, o presidente explica que o Sistema pretende impulsionar a área de vendas visando a obtenção de novos negócios e realizar neste ano, a abertura de novas agências do Sicoob para que se atinja o maior número de municípios na Bahia. No Brasil, o Sicoob é o maior sistema financeiro cooperativo com mais de 4 milhões de cooperados. É composto por cooperativas financeiras e empresas de apoio, que em conjunto oferecem aos cooperados serviços de conta corrente, crédito, investimento, cartões, previdência, consórcio, seguros, cobrança bancária, adquirência de meios eletrônicos de pagamento, dentre outros. 

De acordo com o presidente do Sistema OCEB, Cergio Tecchio, o resultado obtido pelo Sicoob BA é extremamente significativo, pois demonstra o pleno desenvolvimento do Sistema de Cooperativas de Crédito na Bahia, evidencia a vontade dos seus sócios e a credibilidade do Sistema em prospectar oportunidades de negócios na sociedade baiana. 

Por Ascom OCEB (Com informações do Sicoob Central BA).



Ciclo 2018 do PDGC já está disponível

February 20, 2018 13:33, by Portal Bahia Cooperativo - 22 comments

marca-pdgc

Se tem uma coisa que garante vida longa e saudável a uma cooperativa é uma gestão atualizada, eficiente e atenta às mais modernas práticas de seu segmento. É por isso que promover a adoção de boas práticas de gestão e de governança é tão essencial para o negócio. Pensando assim, o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) disponibiliza às cooperativas um programa de desenvolvimento da gestão, feito sob medida.

Trata-se do PDGC, cuja metodologia é pautada no Modelo de Excelência da Gestão® (MEG), desenvolvido pela Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), para ser um referencial na promoção da melhoria da qualidade da gestão e do aumento da competitividade das organizações.

E, para melhorar continuamente a gestão das cooperativas, o PDGC é aplicado em ciclos anuais. Isso amplia o alcance das ações ligadas ao planejamento, à execução, ao controle e ao aprendizado dos anos anteriores. Para o ciclo 2018, a unidade nacional do Sescoop já disponibilizou todo o material necessário e que poderá contribuir muito com a rotina de tomada de decisão e implantação de melhorias pelas cooperativas. Basta clicar aqui para acessar.

BAHIA
O estado da Bahia, onde o movimento cooperativista é representado pelo Sistema OCEB, fará o lançamento do sexto ciclo do Programa no dia 06 de abril. 

SAIBA MAIS
Quer conhecer mais sobre PDGC? Clique aqui. Neste link é possível encontrar informações como o que é programa, seus objetivos, instrumento de avaliação, metodologia e índices que podem indicar o grau de maturidade da gestão das cooperativas. Há ainda um vídeo explicativo e uma lista de benefícios para as organizações que aderirem ao PDGC.

EXCELÊNCIA DA GESTÃO
As cooperativas que aderem ao PDCG têm a oportunidade de participar do Prêmio Sescoop Excelência de Gestão, o reconhecimento nacional às organizações que promovem o aumento da qualidade e da competitividade do cooperativismo, por meio do desenvolvimento e da adoção de boas práticas de gestão e governança.

Promovido a cada dois anos, a iniciativa é dirigida às cooperativas singulares registradas e regulares com o Sistema OCB, participantes do Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas (PDGC). É uma excelente oportunidade para o aprimorar a gestão, ampliar a rede de relacionamentos e aumentar a visibilidade da cooperativa. (A próxima edição do Prêmio Sescoop ocorrerá em 2019). Saiba mais.

Fonte: Sistema OCB (com alterações)



Jornadas Pedagógicas qualificam quadro social de cooperativas educacionais baianas

February 15, 2018 18:44, by Portal Bahia Cooperativo - 1One comment

jornadas pedagogicas

Interessa ao Sistema OCEB contribuir para aprimorar os conhecimentos na educação cooperativista e motivar maior integração entre cooperados, professores e gestores que atuam em cooperativas educacionais baianas. Para isso, tem apoiado, durante anos, a realização de Jornadas Pedagógicas, que sempre acontecem no início do ano letivo e são demandadas por cooperativas educacionais.

Em 2018, as Cooperativas Educacionais de Sobradinho – COES, de Teixeira de Freitas - CETEF, de Xingó – COOPEX, de Eunápolis – COOEDUC, de Pé de Serra – COOPEPS, de Caetité – COOPEC, de Irecê – COPERIL, de Salinas – COOPESAL e de Barreiras - COOPEB realizaram as suas jornadas, nos meses de janeiro e fevereiro, com palestras voltadas para temas específicos, tais como: “Valores Humanos e Formação Cooperativista”, “Educadores que inspiram sonhos!”, “Auto Estima e Qualidade de vida”, “Gestão motivacional e liderança”, “Educação, Diversidade e Inovação: desafios profissionais”, “Práticas Pedagógicas Eficientes: Do pensar ao agir”, “O dom de motivar na arte de educar”, “As facilidades para os filhos em tempos difíceis para os pais” e “Neurociências: como ela ajuda a entender a aprendizagem”. Todas as palestras foram conduzidas por profissionais com experiência nas áreas educacional, comportamental e de gestão.

Os conteúdos das jornadas foram escolhidos pelas cooperativas, a partir das suas necessidades e objetivos traçados para o ano. Esse foi o exemplo da COOPEB, que reuniu pais/cooperados na sua Jornada Pedagógica, que refletiu sobre os papeis da família e da escola na criação dos estudantes. “Iniciamos o ano em um propósito específico de usarmos um tempo de nosso ano letivo para aprimoramos nosso relacionamento com os pais. Essa palestra foi fundamental para darmos início a esse propósito”, explicou Edlania Carvalho, diretora pedagógica da cooperativa.

Além de proporcionar reflexões voltadas para a formação profissional e melhoria da prática pedagógica, segundo Jhoni Cavalcanti, cooperado e integrante do Conselho Administrativo da COOPEX, a realização da jornada pedagógica também impacta na gestão escolar, pois acontecem os últimos ajustes pedagógicos e administrativos, onde, avaliando as práticas do ano anterior, a equipe consegue sempre “aparar as arestas” a fim de buscar um trabalho coeso e coerente com os objetivos da cooperativa.

O Sistema OCEB acredita que as Jornadas Pedagógicas desse ano foram tão boas quanto às dos anos anteriores e que professores, cooperados e gestores estão ainda mais conectados e motivados para oferecer educação cooperativista de qualidade. 

Por Ascom SESCOOP/BA

Fotos cedidas pelos instrutores e cooperativas



Cooperativas Agropecuárias da Bahia fortalecem a intercooperação

February 5, 2018 13:09, by Portal Bahia Cooperativo - 33 comments

forum-ramo-agro-encontro-3-2

O Fórum Baiano das Cooperativas Agropecuárias tem se fortalecido a cada dia com a integração de cooperativas do ramo agropecuário do segmento do agronegócio para ampliar a intercooperação e o acesso aos mercados baiano, nacional e internacional.

Uma das estratégias do Fórum, que tem o apoio do Sistema OCEB, é a realização de encontros para rodadas de negócios e intercâmbios. Já aconteceram três encontros e o último foi em Luís Eduardo Magalhães/BA, nos dias  24 e 25 de janeiro de 2018. A escolha de LEM, como também é conhecida, não foi por acaso, já que a cidade baiana está situada na região oeste, principal polo de produção de grãos, onde se produz a totalidade da soja baiana, 97% do algodão e cerca de 75% do milho produzido no estado (Fonte: Correio 24h), e abriga importantes cooperativas do ramo agropecuário.

Representantes da Cooperativa Agropecuária do Oeste da Bahia - Cooproeste; Cooperativa de Produtores Rurais da Bahia - Cooperfarms; Cooperativa Mista Agropecuária Conquistense - Coopmac; Cooperativa Agrícola de Gandu Ltda - Coopag; Cooperativa Ouro Verde Bahia - Cooperverde; Cooperativa Ser do Sertão  - Coopsertão e da Cooperativa Agrária de Cafeicultores de São Gabriel - Cooabriel, do Sistema OCB, OCEB e SESCOOP/BA participaram do encontro.

A programação favoreceu a troca de experiências e conhecimentos por meio das apresentações institucionais da Cooabriel, Cooproeste e Cooperfarms, em que foram descritos os modelos de negócios e a organização do quadro social dessas cooperativas. Samuel Fontes, gerente coorporativo administrativo-financeiro da Cooabriel, que tem sua sede no Espírito Santo, destacou o papel da Cooabriel na cafeicultura de Conilon no Brasil e a grande relevância que as unidades dessa cooperativa na Bahia têm nesse contexto.

A reunião também oportunizou o relato de Jaymilton Gusmão sobre a sua participação na “Missão de Prospecção de Boas Práticas em Cooperativismo na Espanha”, quando conselheiros do Sistema OCEB conheceram a experiência exitosa do cooperativismo em Mondragón [Saiba mais sobre a missão].

Os participantes aproveitaram os conteúdos das apresentações para debater sobre assuntos estratégicos relacionados ao desenvolvimento das cooperativas baianas do agronegócio e para elaborar projetos voltados para a realização de negócios, considerando estudos de viabilidade e sinergia entre as cooperativas. Mas o encontro extrapolou os debates temáticos e proporcionou visitas técnicas de campo em duas fazendas, uma com foco na cadeia produtiva da carne bovina e a outra na produção de grãos, e também às unidades da Cooproeste e Cooperfarms. Vale ressaltar que o prefeito de LEM marcou presença nessa etapa da programação.

“O terceiro encontro do Fórum foi de concretização das ideias lançadas nos outros dois encontros, pois foram tratados pontos fundamentais que irão nortear as ações das cooperativas envolvidas”, destacou Carlos Meurer, Diretor do Ramo Agropecuário na OCEB.

O último momento do evento foi dedicado ainda à aprovação do Regimento de funcionamento do Fórum, que ajudará a dar transparência nas ações.

Confira fotos do encontro clicando aqui.

Por ASCOM SESCOOP/BA (Com informações do site da Cooabriel)